Série #48: Chernobyl

Share:

Sinopse: Ucrânia, 1986. Uma explosão seguida de um incêndio na Usina Nuclear de Chernobyl dizima dezenas de pessoas e acaba por se tornar o maior desastre nuclear da história. Enquanto o mundo lamenta o ocorrido, o cientista Valery Legasov (Jared Harris), a física Ulana Khomyuk (Emily Watson) e o vice-presidente do Conselho de Ministros Boris Shcherbina (Stellan Skarsgård) tentam descobrir as causas do acidente.
Criação: Craig Mazin
Produção: Sanne Wohlenberg
Elenco: Jared Harris, Stellan Skarsgård, Emily Watson, Paul Ritter, Jessie Buckley, Adrian Rawlins, Sam Troughton, Robert Emms, Adam Nagaitis, Con O'Neill, David Dencik, Mark Lewis Jones, Alan Williams, Barry Keoghan, entre outros

Chernobyl é uma minissérie de cinco episódios, produzida pela HBO. Ela narra os acontecimentos após a explosão do reator 4 da usina nuclear de Chernobyl, no dia 26 de abril de 1986.

Sem sombra de dúvida, uma das melhores séries que assisti em 2019. Depois do fiasco que foi aquela última temporada de Game of Thrones, foi um bálsamo para minha alma ver essa produção maravilhosa. Pode entrar, Emmy de melhor minissérie.

Chernobyl indo receber seu Emmy de melhor minissérie de 2019
Em cinco episódios, cada um com uma hora de duração, vamos acompanhar desde o momento da explosão até o julgamento dos responsáveis. Vou dizer que tive uma úlcera por episódio diante a posição do governo soviético em relação ao que causou ao acidente. Toda hora que um abria a boca pra dizer que o bagulho não explodiu, eu queria socar a cara de cada um. É de partir o coração ver a situação dos habitantes das cidades próximas, principalmente as vítimas fatais, em boa parte responsáveis pelo atendimento no momento da explosão.

Minha reação ao ver o governo soviético negar que o reator explodiu
Aos de estômago fraco, aviso que a série contém cenas fortes, principalmente retratando os afetados pela radiação. A equipe de maquiagem está de parabéns. Outro detalhe que ressalto é que a série bem didática nas questões mais técnicas, de uma forma não monótona. Eu mesma, apesar de gostar bastante de química, entendo bulhufas de como funciona uma usina nuclear ou um reator nuclear, porém o roteiro da série mostra de uma forma bem simples e de fácil entendimento.

A investigação é liderada por cientista Valery Legasov (Jared Harris), a física Ulana Khomyuk (Emily Watson) e o vice-presidente do Conselho de Ministros Boris Shcherbina (Stellan Skarsgård). No núcleo das vítimas, temos o foco em Lyudmilla Ignatenko, esposa de um dos bombeiros que estavam respondendo ao chamado da explosão.

Todos os personagens existiram na vida real, menos a física nuclear Ulana Khomyuk. Ela foi criada como uma forma de homenagear todos os cientistas que ajudaram Valery na investigação e pesquisa da explosão. É até uma pena essa mulher não ter existido real oficial, sendo uma personagem determinada em mostrar a verdade mesmo que sofra consequências, mas achei uma ótima forma de homenagear a todos os envolvidos.

Chernobyl se tornou a série mais bem votada no IMDB (nota: 9,7) após alguns dias de seu término. O lugar vinha sendo ocupado por Breaking Bad (nota: 9,5).

11 comentários:

  1. essa serie é mesmo boa demais! vi os 5 ep numa tacada só, super bem feita e interessante

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Quero muito assistir essa série, deve ser bem impactante. Só tenho visto comentários positivos sobre ela!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  3. Deve ser bem forte essa série, escutei muitos comentários a respeito. Confesso que fiquei curiosa, só tenho uma certa resistência para séries pois gosto de assistir logo tudo de uma vez rsrsrsr
    Beijocas.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Luiza! Tenho visto muitos comentários bons a respeito da série, e estou super curiosa para assisti-la! Amei a sua resenha e com certeza vou procurar mais sobre :)

    Beijos!
    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu,
    Eu fui precipitada e cancelei HBO depois de GOT, estava com raiva do final HAHAHAHA
    E agora que quero ver essa série, preciso dar um jeito, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. mete a faca nessa fudida dshaushaushasuahsa eu morri agora!
    eu não assisti ainda a série mas eu só vejo comentários positivos, fico louca porque quero saber o que aconteceu!!!
    Beijo

    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Lu, eu ainda não terminei de ver, mas achei pesada mesmo em alguns momentos, eu fiquei bem chocada com a sequencia de erros e negligencia e morrendo de pena da população....

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  8. Gostei do seu artigo, sempre com dicas e informações importantes. Seu site é um dos meus sites favoritos que estou sempre visitando..

    Parabéns!

    Meu Blog: Loterias

    ResponderExcluir
  9. Oi, Lu!
    Eu só tenho visto elogios a essa série. Tô enrolando pra começar porque sei que vou querer ver tudo de uma vez só!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu.
    Aaaaaa eu tinha que ver sua resenha.
    SIM!! Chernobyl é a melhor série e vai lindamente arrebatar o Emmy.
    Também quis meter a faca no governo soviético.
    Bando de insuportáveis.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  11. Oi Lu, estou com muita vontade de assistir esta minisérie, principalmente depois de ter visto Years and Years, que fala de uma família que está em transição pelas mudanças tecnologias e políticas, a série é um arraso e um soco no estomago, eu amei, você já assistiu?
    Eu comentei da série porque assim como Chernobyl, Years and Years tb não é monótona apesar de conter politicas e outros assuntos meio chatos.
    Gostei da dica e irei assistir em breve!

    Beijos Mila

    Daily of Books Mila

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)