24 abril 2018

Resenha #273: O Cobiçado Adam Olivier - Mari Scotti

Título: O Cobiçado - Adam Olivier
Título Original: ---
Autor: Mari Scotti
Série: O Cobiçado #2
Páginas: 226
Ano: 2018
Editora: Independente
Sinopse: Adam Olivier é o guitarrista solo da mundialmente famosa banda Four River. Melhor amigo de Rohan, o vocalista e primeiro Cobiçado da RPTV, foi convidado para protagonizar a segunda temporada do reality show que dividiu opiniões no Brasil.
É um homem desconfiado e fiel aos princípios que seu pai lhe ensinou. Também é amigo e companheiro. Mas uma de suas características também é um de seus defeitos: o músico guarda seus problemas para si.
O que seu melhor amigo faria se desconfiasse de sua paixão secreta pelas mulheres dele? O que o mundo diria se compartilhasse que tem em seu passado um abandono? Uma morte?
Seu maior desejo é se apaixonar por alguém que não seja de ninguém. O que não espera é começar o programa descobrindo que todas as candidatas escondem seus rostos e corpos, tornando sua escolha ainda mais difícil.
Vinte e quatro Misteriosas lutam por seu coração, mas será ele capaz de entregá-lo?


Se você não leu os livros e/ou resenhas anteriores, não se preocupe
Essa resenha é livre de spoilers 

Quando Mari anunciou que o próximo Cobiçado seria Adam, eu fiquei super feliz e ansiosa. Desde o livro passado, Adam se tornou meu integrante favorito da banda Four River e eu não me decepcionei com a história.

Adam é um cara que realmente merecia um amor. Ele não só se apaixonou pela pessoa errada uma, mas duas vezes.. Ou seja, já estava na hora da vida ser boazinha com ele, né? Já tivemos um vislumbre do quão apaixonante é Adam no livro anterior e nesse aqui temos bem mais cenas assim. Ele quer encontrar um amor no programa, mas também se preocupa com o sentimento das outras candidatas. Impossível alguém não sair magoado na história, mas ele faz de tudo para amenizar isso.

Diferente do livro Rohan Sen, onde tivemos uma Misteriosa, na edição do Adam tivemos VINTE E QUATRO MISTERIOSAS. Eu achei bem legal essa ideia por vários motivos, sendo o principal deles é que Adam iria conhecer as suas candidatas não julgando pela aparência física. O mais legal foi ver o quanto o personagem evoluiu nesse quesito. Por algumas vezes, ele comenta que se fosse fora do programa, algumas mulheres ele nem daria bola justamente pela sua aparência.

Outra inovação da Mari foi inserir a visão de uma telespectadora na narrativa. De início, eu pensei que ela iria ter outro papel na história, mas fiquei bem feliz com o rumo que ela tomou. Gostei muito desses capítulos porque rola uma grande identificação com a telespectadora. Eu não sou muito de assistir reality shows, mas sei bem como é ficar ansiosa e esperando que aconteça o que você quer.


Assim como os telespectadores d’O Cobiçado, não sabemos quem Adam iria escolher entre as candidatas. O personagem teve muita química com várias mulheres e ficava bem difícil escolher somente uma para torcer. Claro que sempre tem aquela mais favoritas, mas como todo bom reality show, rola uns plot twists bem malucos. Mas se a que eu torcia não fosse a escolhida, eu não me responsabilizava pelos meus atos posteriores.

Lado a lado com o reality, temos um outro drama na vida do Adam e vamos acompanhando como isso interfere não só na sua vida, mas também no programa e na sua relação com as candidatas. Por muito tempo Adam vem tentando encontrar uma pessoa do seu passado e vamos acompanhando a saga do artista. Interessante ver como tanto o reality como essa busca ajudaram Adam a mudar sua visão em vários aspectos.

Assim como o livro anterior, a história é narrada em terceira pessoa, tanto do ponto de vista de Adam quanto da telespectadora. E é por isso que você não sabe quem é a escolhida até os momentos finais da história. Na edição do Rohan, já sabíamos que a escolhida seria a Aillen (OK que por um breve momento eu tive mini dúvidas achando que não seria ela), mas aqui estamos no escuro, apesar da Mari ter dado algumas pistas bem sutis durante o livro. (Gente, eu sou uma lesa para pistas sutis, então me perdooem)

O final do livro é muito fofo e eu não iria querer menos para o meu bebê Adam, que só merece ser feliz nessa vida. E o epílogo já nos deixa brecha para a próxima temporada d’O Cobiçado, a qual espero que não demore porque essa sim vai ser cheia de novidades.


Resenhas anteriores
Livro 1 - O Cobiçado Rohan Sen

23 comentários:

  1. Que resenha incrível, Luiza! Amei! Também estou ansiosa com a terceira temporada, será bastante desafiador! ❤. Obrigada por seu apoio e carinho de sempre!

    ResponderExcluir
  2. Oi Lu!

    Adorei a resenha e conhecer um pouco sobre essa história.
    Confesso que não conhecia a série nem a autora, mas fiquei super interessada!
    Obrigada pela dica.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Aaaaaaaaaaa esse livro é tão foda gente, eu já li e confesso que até hoje não teve nenhum livro com a premissa parecida que chegasse aos pés!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai Ai Ai Dona Luiza... Nem sei o que te falar.
    Eu vou começar esse livro ainda essa semana. Você vai ver!
    E vou ser trouxa, espere e verá! HAHAHAHAHAHAHA
    beeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu, tudo bem? Eu li o primeiro livro e a Mari conseguiu me fazer gostar da trama mesmo quando eu não gosto de haréns rsrsrsrs Quero ler o segundo e já fico feliz pelo fato de ter um final fofo!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha ouvido falado nesse livro e fiquei bem interessado!

    https://clebereldridge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Lu! Tudo bom?
    Agora que comprei um Kindle vou tomar vergonha nessa minha cara e colocar todos os livros amorzinho em dia, isso inclui o novo do Cobiçado <3
    Eu curti muito o Adam no primeiro volume, então acho que vou adorar acompanhar essas desventuras amorosas dele. E a Mari é sempre maravilhosa, confio em todas as histórias que ela conta!
    Adorei a resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, Lu!
    Quando li O cobiçado eu fiquei louca porque eu gostei muito da trama e adoro realitys, eu confesso. Quando vi que esse seria lançado esse ano me animei muito, é uma obra que preciso e quero muito ler. Eu só não lembro muito bem do Adam porque li o livro há muito tempo, então esqueço sempre os personagens coadjuvantes.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia essa série, mas achei legal por ter um reality e tudo mais. Nunca li nada do tipo, e fiquei curiosa para conhecer esse Adam. rsrs Sua resenha ficou maravilhosa e me deixou com muita vontade de ler a série.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu, tudo bem??

    O Adam também é meu queridinho rs... adoro demais ele... amei saber que o final é super fofo e não vejo a hora de finalizar rs... porque eu sou um ser bem curioso... eu já desconfio de quem ele vai escolher, mas é melhor ir até o fim, porque as coisas podem mudar rs. Adorei sua resenha... Um xero!

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi.
    Eu não conhecia essa série, mas, sendo sincera, o enredo não me chama atenção, pelo menos não no momento. Não vou mentir, até assisto esse tipo de reality, mas não sei se gostaria de ler um livro com essa proposta. Mas gostei muito da sua resenha e dos pontos que você destacou.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oie!
    Eu conheço a autora, mas acho que nunca ouvi falar nessa série o.O
    Pela premissa, me lembrou A Seleção, e eu particularmente não gosto muito desse tipo de coisa (de ter muitas candidatas para serem escolhidas por uma pessoa só, como se fossem um produto numa vitrine, ou coisa assim).
    Que bom que gostou do livro :) não sei se um dia me interessarei por lê-lo, mas pelo menos gostei de saber que teve um final fofinho.

    ResponderExcluir
  13. Oi Luiza!
    Eu não conhecia o livro, mas não me interessei muito pela premissa. Essa questão de ter 24 misteriosas me lembrou um pouco "A Seleção" e eu achei bem normal a história, então, no momento, não pretendo ler.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Luiza, não tinha ouvido falar dessa série, mas fiquei bem curiosa pra ler. Achei ela bem diferente dos livros que andam sendo lançado. Pq no enredo sempre é a memsa coisa e você acaba enjoando de ler o gênero.

    Sua resenha ficou ótima! Beijos

    ResponderExcluir
  15. olá... apesar de conhecer a obra da autora,nao sabia da existência dessa série, pra ser sincera, nao faz meu tipo de leitura, ainda mais com esse lance de reality show... que ja não curto assistir, que dirá como elemento de enredo... mas fico feliz que vc tenha curtido a leitura... bjs
    ...

    ResponderExcluir
  16. Olá! Conheço o trabalho da Mari e já vi alguns livros, mas essa série eu não conhecia.. Não faz muito o meu estilo de leitura, romances nessas pegadas. Fico feliz que você goste da série e dos personagens.


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Sempre que leio algumas resenhas dessa autora vejo a capacidade de escrever boas tramas e enredos apaixonantes. Pelo visto essa série é bem amorzinho e dá vontade da gente se aventurar na leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Acredita que eu ainda não li nada dessa autora? E não é por falta de vontade. Sempre vejo pessoas elogiando a autora, e lendo sua resenha agora, aumentou mais ainda a vontade e curiosidade! Com certeza anotei a dica e espero que muito em breve possa ler.

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá Lu,
    Como você amou esse livro, hein? Eu não li o primeiro livro da série, mas vi muitos elogios para ele e, principalmente, para os personagens da banda. Eu acho que esse negócio de o leitor não saber o que vai acontecer ser instigante demais, sabe? Outro ponto que gostei muito foi que o final foi fofíneo e te agradou.
    Vou anotar a dica, sem dúvidas.
    Beijos,
    https://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  20. Oi.

    Depois que li dois livros da Mari, eu fiquei com muita vontade de ler outros livroa dela,mas acabei não lendo depois que fui acumulando as leituras. Até agora eu ainda não consegui ler nem esse e nem os outros livros dela que eu quero ler. Mas vou tentar ler ainda este ano, ou assim que tiver mais folgada.

    ResponderExcluir
  21. Oi Luiza, como está?
    Primeiramente, ADOREI o nome do blog e o jeito como tu classifica os livros nele. GENIAL! XD
    Segundo, adoro a proposta dessa série da Mari Scotti e amaria poder ler esse "outro lado" dela, já que eu conheço um pouco mais os romances de época que ela escreve, a Família Hallinson.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Tô doida pra finalmente começar a ler essas histórias. Acompanhei bastante as resenhas do primeiro livro. Apesar de ser um plot meio batido no meio das histórias que sou viciada em ler, não consigo resistir e fico me roendo e desejando. Adorei a resenha, beijos!!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.