19 janeiro 2018

Playlist da Semana #75: Uma história de empoderamento nas músicas do RBD

Uma semana, uma playlist
Vocês pediram e eu atendi: mais uma historinha #yay

Dessa vez vai ser uma história de empoderamento feminino. Algum tempo atrás, eu postei um playlist de músicas empoderadoras do RBD. Inspirada por essas músicas, resolvi fazer essa historinha. É diferente das que já apareceram mas espero que vocês gostem assim mesmo.

Queria agradecer à minha prefeita maravilhosa Mi (O que tem na nossa estante) que me lembrou dessa banda maravilinda e suas músicas. Mi, ainda não foi a história de amor que você pediu, mas logo logo vai aparecer por aqui.

Empezar Desde Cero by RBD

Capítulo 1- "Terminar, voltar, nada é estável e eu quebro esse vício aqui"
Depois de algum tempo vivendo em um relacionamento nada legal, nossa heroína finalmente se livra do embuste de sua vida. Vemos seu processo de libertação em Me Voy. (Letra e tradução)


Capítulo 2- "Te amei como nunca tinha amado... Zombou de mim, me machucou tanto"
Não conformado com o término, o embuste procura nossa heroína pedindo pra voltar, mas ela coloca ele pra passar fora com estilo e sem descer do salto, como vemos em Fuera. (Letra e tradução)


Capítulo 3- "Cada vez que volto a te ver, não nego, ainda me dói mas sei que um dia estarei bem"
Apesar do embuste, nossa heroína realmente o amava, mas ela sabe que está melhor sem ele. E sabe mais ainda que ele irá sentir sua falta, como diz Algún Dia. (Letra e tradução)


Capítulo 4- "O amor acabou, a paixão terminou, tuas lembranças me fazem bem, mas no dia de hoje, tua voz já desapareceu"
O relacionamento estava indo de mal a pior, mas nossa heroína sabe que teve bons momentos com o embuste (pelo menos no início, quando tudo é um mar de rosas). Aos poucos ela vai se desintoxicando do cara, como diz em Cuando El Amor Se Acaba. (Letra e tradução)


Capítulo 5- "Fui a menina que mudou tudo por você"
Nada pior do que mudar seu jeito por causa de outra pessoa... Em Fui La Niña, vemos que nossa heroína se recorda de quando tentou, mas não conseguiu que o embuste a amasse pelo que ela é. Realmente merecia um pé na bunda esse cara. (Letra e tradução)


Capítulo 6- "Enfim, está claro e não vou repetir os meus erros, então, por que está aqui?"
Passado alguns meses, o embuste tem a cara de pau de procurar nossa heroína. Em Quien Te Crees, ela está indignada com essa procura e ainda joga umas verdades na cara dele. (Letra e tradução)



Capítulo 7- "Outro dia que vai para recomeçar, para amar uma vez mais"
Apesar de ter sofrido no último relacionamento, nossa heroína sabe que nem todos os homens são iguais e está disposta sim a abrir seu coração, para um novo amor. E vemos isso em Otro Dia Que Va. (Letra e tradução)



Capítulo 8- "Santa não sou e não serei"
Em Santa No Soy, nossa heroína deixa claro pro mundo que não é santa e comete erros sim, mas isso não significa que é necessário mudar seu jeito de ser por causa de outra pessoa. (Letra e tradução)



Capítulo 9- "Se tu pensas que eu vou te perseguir, nem em sonhos, não sou assim"
Nossa heroína conquista um novo crush, mas jamais quer passar de novo o que passou no último relacionamento. Em Asi Soy Yo, ela vai logo mandando a real pro cara e não importa o que ele pense, ela não vai mudar seu jeito de ser e nem ir atrás de quem a não merece. (Letra e tradução)


Capítulo 10- "Me dê uma oportunidade, me dê apenas um sinal"
Para o nosso bem e o bem da nossa heroína, seu crush a ama do jeito que ela é, com todos seus defeitos e qualidades. Em Dáme, vemos nosso novo casal feliz da vida, se sentindo seguros um com o outro. (Letra e tradução)


Espero que tenham gostado da história. De certa forma foi uma história de amor sim; história de muito amor próprio e autovalorização, eliminando embustes da vida... Não dei um nome à mocinha porque quero que seja uma homenagem a todas que conseguiram se libertar de relacionamentos tóxicos e abusivos, encontrando seu final feliz com outra pessoa que a respeita e trata bem.

E já que não tem RBD no Spotify (o que eu acho um insulto mas se Rouge entrou, fé no Pai que RBD entra), montei a playlist no Youtube. Então, é só dar play e deixar rolando.

20 comentários:

  1. Também acho um ultraje não ter RBD no Spotify! Enquanto isso eu sigo ouvindo as música no PC, pq tenho todas! Hahahaha
    Eu amava Rebelde e RBD, tinha até flogão deles, menina.
    Adorei a história! :D

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Lu! Tudo bem?

    Caracas quanto tempo eu não via falar do RBD, é bem nostálgico apesar de eu nunca ter curtido, mas lembro-me que minhas primas gostavam e eu ficava sempre deslocado rsrs

    Grande abraço!
    http://www.cafeidilico.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lu!

    Não era viciada em RBD, mas escutava algumas músicas e achava bem legal. Que nostalgia deve ter te batido enquanto montava esse post, ein? hahaha

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Nossa Lu, como esquecer as músicas do RBD? Amei demais sua playlist!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  5. Olá Luiza! Tudo bem?
    Estou adorando essas histórias que você faz com música e com direito até à playlist pronta. Bom para eu escutar um pouco de rbd, porque não conheço, acredita?
    beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiiiii Lu
    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah
    Eu amava! era criticada horrores mas eu amava!
    Adoro ouvir as musicas e ainda n me perdoo por ter perdido o último capítulo da novela :(

    Amei a história!
    Tua arrasa!!

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Li qse agora que RBD volta (definitivamente) pro Spotify em abril!
    #OREMOS!
    hehehehehehehehehe

    Bjooos

    ResponderExcluir
  8. Oie
    Eu adorava RBD, e ficou ótima sua história, muito criativa.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá, Luiza.
    Quero ouvir toadas as musicas deles agora. E olha que nem sou fã de musica, mas as deles eu gostava muito. A postagem ficou muito legal. Tomara que essa se torne uma realidade na vida de muitas garotas que estão em relacionamentos que só as deixam para baixo por ai.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  10. essas músicas me trouxeram tanta nostalgia haha.
    Amo RBD, marcou muito minha infância.
    Amei a história <3
    Beijos

    sentimentos-de--uma-garota--bipolar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Lu,

    Nossa quanto tempo não vejo falar do RBD, essas músicas são ótimas e lembram vários momentos da infância/Adolescência.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Confesso que não assisti RBD, acho que fui a unica pessoa da minha idade que não assistiu. kkkk, mas conheci uma música da banda depois, que amei de verdadde, a Salvame! MARAVILHOSA. Beijosss. Amei seu layout de minions hihi
    thaisammaral.wordpress.com

    ResponderExcluir
  13. MEU DEUS
    Eu fui muito da época de RBD hahahah tô sentindo uma nostalgia tão grande aqui que nem consigo explicar!
    Adorei como você organizou as músicas, nunca tinha visto dessa forma, amei mesmo <3
    beijosssss
    N E O D E S V A R I O

    ResponderExcluir
  14. Luuuu, adorei a história, não é de amor, mas nada como se livrar de um embuste! Tô aqui estuprando o play no Santa no soy, uma das minhas preferidas! hehehehe amei, amei a história <3 vc tem uma criatividade incrível!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  15. Amooo! Que loucura haha gostei muito, vou ficar ouvindo sem parar ❤️❤️ temos que nos valorizar mesmo !
    Beijos ❤

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  16. Oi Lu, tudo bom?
    Eu nem chorei só fiquei tremendo. Que saudade dos meus ícones </3
    As letras das músicas eram maravilhosas, e as gurias eram cheias do poder e da voz (tanto no vocal quanto de representação feminina). Dói meu coração lembrar quando acabou ç_ç

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oii Lu, melhor post sim ou claro? hahahaha aí que nostalgia,eu amei demais.
    -Beijos,Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi, Lu!
    Se eu amei? Ai meu deus, eu amei muito! Que saudade dessas maravilhosas, eu gosto muito de RBD. ♥
    Melhor história!
    Um super beijo!
    Thami, Blog Historiar.

    ResponderExcluir
  19. Oi Lu!
    Amei a história de hoje, RBD é muito amor e realmente se parar pra prestar a atenção nas letras, vai amar ainda mais essa banda. Acho ofensivo também não ter RBD no spotify.
    Beijos

    www.lendoeapreciando.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.