26 abril 2017

Fé no Pai que um dia sai #1: Série Game On - Kristen Callihan

A esperança é a última que morre
Estreando mais uma coluna aqui #yay

Semana passada, estava lendo um livro de uma série que amo. Estava comentando minha leitura com a Mi (O que tem na nossa estante) e ela perguntou se tem previsão de sair por aqui. Infelizmente não. (Agora me conta uma novidade) Então, tive a ideia de criar essa coluna como forma de apelo para quem quer que leia e torcer para que um dia saia por aqui.

A série de hoje se chama Game On, da Kristen Callihan. Conheci essa série ano passado, quando havia terminado de ler O Jogo e estava órfã, só na espera de sair A Conquista. Foi então que o Goodreads me indicou, por serem similares.

Comecei a ler o primeiro livro - The Hook Up -, mas acabei abandonando porque a mocinha já estava me estressando com toda aquela Síndrome de Pretty Woman: ela e o carinha poderiam fazer tudo menos beijar na boca. Pois é...

Passado alguns dias, o Goodreads me indica outro livro da série: The Game Plan, terceiro livro da série.. Fui atrás da sinopse e um detalhe super me chamou atenção: o mocinho é o maior estilo lumberjack, mas virgem (!) (meu cupcake resolveu esperar a mulher certa 💞). Gente, nessa hora eu sabia que estava conquistada. Ethan Dexter até hoje circula na lista de crushes literários. Acabado esse, fui ler o segundo - The Friend Zone -, e a história que envolve o Gray Cinza mais fofo que encontrei também foi maravilhosa. Outro que também circula na lista de crushes.

E foi assim que a série Game On me conquistou e me deixou super ansiosa para o quarto - The Hot Shot. Saiu e li em menos de dois dias. E adivinhem? Sim, Finn Mannus também está na lista de crushes.

Como vocês podem ver, dá pra ler totalmente aleatório, apesar de um livro sempre aparecer uma coisinha do livro anterior. Mas nada que atrapalhe a leitura.

O que mais gostei dessas histórias da Kristen (tirando o primeiro livro que não terminei) é o fato das histórias terem personagens cativantes e super free de drama completamente desnecessário. OK que sempre tem aquele balanço na relação do casal, mas nada que perdure capítulos e capítulos com eles no maior estilo Bela quando Edward largou ela em Lua Nova. (Quis morrer junto com essa garota)

Pra quem foi conquistado pela série Amores Improváveis, vai adorar essa. Apesar de somente o primeiro livro se passar na faculdade, todos os outros tem aquele mesmo ar da série da Elle Kennedy: tem um casal que evolui de amizade para algo mais, sem passar a visão de algo forçado. Fora que, no Goodreads, as duas séries sempre andam juntas nas indicações.

Os mocinhos de cada livro são jogadores de futebol americano, mas se engana que são bossais neandertais. Cada um tem uma personalidade diferente, mas todos se igualam no quesito fofura, gente boa e amorzinho.

Então, depois de todo esse testemunho, só me resta esperar e torcer para que algum dia essa série super amorzinho chegue por aqui. Ah! E não se deixem enganar por essas capas apelativas; a história vai muito mais além do que um corpo saradão e gostosão na capa.

Série Game On

As regras: não beijar na boca, não passar a noite, não dizer a ninguém, e acima de tudo ... Não se apaixonar.

Anna Jones só quer terminar a faculdade e descobrir a sua vida. Apaixonar-se pelo quarterback estrela Drew Baylor não é certamente sobre ela para fazer a lista. Confiante e encantador, ele vive no centro das atenções e é muito lindo para seu próprio bem. Se ao menos pudesse ignorar seus olhares aquecidos e parar de pensar em fazer coisas quentes e sujas com ele. Fácil, certo?

Pena que ele esteja empenhado em fazer com que ela quebre todas as regras...

O futebol tem sido bom para Drew. Deu-lhe o reconhecimento, dois campeonatos nacionais, e o título de melhor jogador. Mas o que ele realmente anseia é sexy, mas espinhosa Anna Jones. Seu humor cortante e desprezo flagrante por sua fama o excitam como nunca. Mas há um problema: ela deu um fora nele. Completamente.

Isso é até um encontro casual leva ao sexo mais quente de suas vidas, juntamente com a possibilidade de algo grande. Infelizmente, Anna quer que ele permaneça apenas sexo. Agora cabe a Drew tentá-la com mais: mais sexo, mais satisfação, mais tempo com ele. Até que ela seja verdadeiramente viciada. É uma coisa boa que Drew sabe tudo sobnhar.

Tudo é justo no amor e no futebol... O jogo começou.

Gray não faz amizade com mulheres. Ele tem sexo com elas. Até conhecer Ivy.

A última coisa que Gray Grayson quer fazer é dirigir o carro cor de rosa chiclete da filha do seu agente. Mas ele precisa de rodas e ela está estudando no exterior. Algo que ele explica quando ela lhe envia um texto irado para deixá-lo saber exatamente quanta dor ela vai colocá-lo se ele bater seu querido carro. Antes que ele o saiba, Ivy Mackenzie se tornou sua melhor amiga de mensagens. Mas, logo Ivy volta e tudo fica confuso. Porque a única coisa que Gray pode pensar é estar com Ivy.

Ivy não faz sexo com amigos. Especialmente não com um certo jogador de futebol. Não importa quão quente ele a faça...

Gray deixa Ivy louca. Ele é irreverente, sensual, e completamente fora dos limites. Porque, Ivy tem uma regra de ouro: nunca se envolver com um dos clientes do seu pai. Uma regra que está se tornando mais difícil manter agora que Gray está fazendo seu melhor para seduzi-la. Seu melhor amigo está rapidamente se tornando o cara mais irresistível que ela já conheceu.

O que significa que Gray vai ter que usar todas as suas habilidades para sair da zona de amigos e entrar no coração de Ivy.

Uma barba ousada e um beijo quente como o inferno mudam tudo.

O foco da NFL Ethan Dexter sempre foi jogar futebol e pouco mais. Exceto quando se trata de uma mulher em particular. A adorável Fiona Mackenzie pode não se importar com sua fama, mas ela também nunca olhou para ele como algo mais do que um dos melhores amigos de seu cunhado. Isso termina agora.

Fi não sabe o que fazer de Dex. O barbudo, tatuado, montanha de homem em forma de músculo parece mais como um motociclista do que um jogador de futebol. Rumores dizem que ele é virgem, mas ela acha isso difícil de acreditar. Porque a partir do momento em que ele decide transformar sua intensidade silenciosa sobre ela, a deixou fraco nos joelhos e doendo para ver seu famoso controle totalmente desencadeada.

Dex está procurando uma garota para sempre, mas eles vivem vidas muito diferentes em cidades separadas. Fi deve guardar seu coração e ir embora. Mas Dex aumentou seu jogo e está usando todo seu charme considerável para convencer a Fi que ele é seu homem para sempre.

Primeiro fomos amigos. Depois fomos colegas de quarto. Agora eu quero mais ...

O que posso dizer sobre Chess Copper? A mulher é capaz de me colocar de joelhos. Eu sei disso cerca de cinco minutos depois de ficar nu para ela.

Ninguém está mais surpreso do que eu. O fotógrafo espinhoso que a minha equipa contratou para fotografar o nosso calendário anual de caridade não é o meu tipo habitual. Ela é a defesa da minha ofensa, um desafio em cada turno. Mas quando estou com ela, todos os arrependimentos e trevas se vão. Ela faz a vida divertida.

Quero conhecer Chess, estar perto dela. Que é uma má idéia.

Chess está em busca de um relacionamento sério. Eu nunca dei uma mulher mais de uma noite. Mas quando o destino deixa Chess sem casa, eu tomo uma decisão e lhe ofereço a minha. Nós somos companheiros de quarto agora. Amigos sem benefícios. Mas está ficando mais difícil manter as nossas mãos umas das outras. E quanto mais tempo vivemos juntos, mais eu percebo que ela está se tornando o meu tudo.

Truque é ... Agora que eu a fiz acreditar que eu sou uma aposta ruim, como posso convencê-la a dar a este jogador um tiro verdadeiro para sempre?

19 comentários:

  1. Oi Luiza!
    Adorei a nova coluna!
    Realmente, pelas capas eu não compraria os livros. Que bom saber que a história tem algo a mais.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Você sempre arrasando nas produções de novos posts, adorei a nova coluna! As capas me chamam e ao mesmo tempo não chamam minha atenção, gosto de livros de drama, bom saber que a história nós surpreende. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu sua linda tudo bem?
    Vamos combinar??? Essas capas fazem bem para a vista e para o coração, risos... Eu conheci a série Amores Improváveis no seu blog e estou com ela por sua causa. Então, se essa vai conseguir completar o vazio que a outra deixa e trazer protagnistas masculinos fofos, impossível não ansiar por ela. Torcendo para que seja publicada por aqui!!!! Adorei acoluna!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi LU, quando falou amores improváveis eu quase surtei, quero já, bem que poderia ser lançado pela mesma editora né...
    Quero muito ler estes livros!
    Eu tb adorei a nova coluna.. Tb adorei a referência de Lua Nova, tb sofri muito naquela parte.

    Beijos Mila
    Daily of Books

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu comecei a ler o primeiro volume, mas lembro que estava em período de provas da faculdade, então tive que abandonar ele, e acabei esquecendo! Mas lembro de estar gostando muito da leitura <3
    Adoreeei o quadro novo!!

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  6. Oi, Lu!
    Não conhecia!!
    Adorei a ideia do post, vou vir sempre conferir, haha
    E o que tem de coisa pra chegar aqui e não chega, né?
    Vida de leitor também é sofrida!!

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  7. Nunca li mas vejo muita gente falando coisas boas

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  8. Nunca li mas, parece ser ótimos!!

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Lu! Já amei a indicação e já anotei aqui para poder ler depois. Sou apaixonada por romances de faculdade, daqueles que geralmente não contém tantos dramas assim e são mais leves. Assim, eu já até pensei em fazer um post no blog sobre alguns livros que já passaram da hora de serem lançados aqui e vendo sua coluna, já deu vontade de postar porque também sofro muito com isso!
    Espero que alguma editora se interesse pela história.
    Beijo, Blog Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  10. Gostei na dica e torço para que alguma editora traduza e lance aqui no Brasil.
    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, Luiza.
    O primeiro lugar que vi a série Amores Improváveis foi aqui no seu blog e lembro que achei que não ia gostar e acabei amando. Então capaz que eu goste dessa quando chegar por aqui. Mas espero que troquem essas capas, acho capas assim horríveis hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Lu!!! Vc me vicia nas séries antes mesmo delas chegarem aqui kkkkkkk estou doida pra ler Game On, eu amei essas capas, meu Deus, The Friend Zone \o/ quero o livro e o cara da capa hahahahahahahahhaa Claro que o marido não precisa saber disso rsrsrsrrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante
    Sorteio A guerra que salvou a minha vida

    ResponderExcluir
  13. Oi Lu! pelas capas eu não compraria, mas se lembra Amores Improváveis, eu coloco na lista com certeza. Adorei a dica e a coluna.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  14. Oi Lu!

    Menina que amorzinho de post, sinceramente se eu não tivesse lido a resenha eu passaria longe desses livros, eu não sou muito fanática por livros eróticos e eu fico com raiva quando essas capas só insinuam isso tipo " aqui tem putaria pode ler" ´serio? HAHAHAH mas eu gostei da proposta dos livros, sério mesmo, e gostei da coluna nova! Vamos nos unir e fazer apelo mesmo hahaha.

    Beijinhos

    Resenha Atual

    ResponderExcluir
  15. hauishuiahsuiahuishaiushuiahs, tbm largaria de ler pela palhacada de meninha... te entendo...
    ja vi pessoas elogiando mas nao li... que capas diferentes hushauishuais

    http://phalto.blogspot.com.br/

    Beijo

    ResponderExcluir
  16. Hey, Lu!
    Menina do céu, suas ideias de colunas são sempre sensacionais mesmo! Só arraso!!
    Sou dessas que pela capa, também não compraria. Não sou muito fã do estilo leitura hot e essas capas são um tanto insinuantes - embora um colírio para os olhos haha - Mas não tem nada melhor do que quando o livro nos surpreende pelo conteúdo!
    Já estou na torcida para que chegue por aqui!!
    Mil beijokas - Entre um Livro e Outro

    ResponderExcluir
  17. Eita meu deus. Gostei muito da ideia da coluna garota, arrasou. Eu vi as capas e me assustei, não compraria udhaudkhudaukd mas a ideia da série é boa, leria para me divertir!

    bjs, Carol | Espilotríssimo
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
  18. Oi, Lu

    Curti a coluna, a vibe é bem parecida com a Fique de Olho lá do blog, a gente tem que fazer o povo conhecer as coisas boas da vida, não podemos deixá-los esperando a boa vontade das editoras brasileiras! hahahaha

    MEL DELS, que capas horrorosas! hahahaha Detesto essas capas, sério mesmo. Mas só do fato te ter a mesma atmosfera de Amores Improváveis eu já curti. Vou procurar o primeiro no Skoob pra não esquecer e vou ler na ordem, porque tenho TOC. Espero não ficar de saco cheio da guria do primeiro também.

    Beijo
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  19. OI LUIZA

    bom... eu nao sei se eu me interessaria muito pela leitura quando visse a capa, mas juro que eu me proporia a dar uma chance, eu sempre as dou! HAHAHAH

    beij
    beinghellz.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.