01 novembro 2016

Resenha #104: O Oráculo Oculto - Rick Riordan (Intrínseca)

Título: O Oráculo Oculto
Título Original: The Hidden Oracle
Autor: Rick Riordan
Série: The Trials of Apollo #1
Páginas: 320
Ano: 2016
Editora: Intrínseca
Sinopse: Como você pune um deus imortal? Transformando-o em humano, claro! Depois de despertar a fúria de Zeus por causa da guerra com Gaia, Apolo é expulso do Olimpo e vai parar na Terra, mais precisamente em uma caçamba de lixo em um beco sujo de Nova York. Fraco e desorientado, ele agora é Lester Papadopoulos, um adolescente mortal com cabelo encaracolado, espinhas e sem abdome tanquinho. Sem seus poderes, a divindade de quatro mil anos terá que descobrir como sobreviver no mundo moderno e o que fazer para cair novamente nas graças de Zeus.
O problema é que isso não vai ser tão fácil. Apolo tem inimigos para todos os gostos: deuses, monstros e até mortais. Com a ajuda de Meg McCaffrey, uma semideusa sem-teto e maltrapilha, e Percy Jackson, ele chega ao Acampamento Meio-Sangue em busca de ajuda, mas acaba se deparando com ainda mais problemas. Vários semideuses estão desaparecidos e o Oráculo de Delfos, a fonte de profecias, está na mais completa escuridão.
Agora, o ex-deus terá que solucionar esses mistérios, recuperar o oráculo e, mais importante, voltar a ser o imortal belo e gracioso que todos amam.


Sim, povo… Mais uma vez estou aqui para falar de um livro do Rick Riordan e que envolva mitologia grega. Dessa vez, o astro da saga é o deus Apolo.

Apolo agora é Lester Papadopoulos, um adolescente de 15 anos, sem tanquinho, com algumas espinhas na cara e sem poderes. Ele foi jogado na terra por Zeus como punição pelas atitudes de Octavian (fdp da saga Os Heróis do Olimpo)

Logo quando é ejetado para nosso planeta, ele conhece Meg McCaffrey. Juntos, eles vão para o lugar mais seguro para os semideuses: o nosso velho conhecido Acampamento Meio Sangue. Chegando por lá, descobre que o Oráculo de Delfos parou de funcionar, ou seja, sem profecias, nem mesmo previsão do tempo. Fora isso, alguns campistas desapareceram na floresta.

Apolo e Meg irão descobrir que esses desaparecimentos e a falta do oráculo fazem parte de um plano bem maior que eles imaginam.

Não vou mentir que mal lembrava da personalidade de Apolo nos outros livros. Gente, pense num cara que tem o ego maior que o universo, que se acha a última empada da bandeja, que se acha a última bolacha do pacote? Agora imaginem esse cara perdendo tudo o que faz ele se sentir assim? É muito engraçado o ver tentando se adaptar a um corpo de adolescente, saindo da puberdade, e sem poderes.

Respirei fundo. Em seguida, fiz meu discurso motivacional de sempre para o espelho.
— Você é lindo e as pessoas te amam!
Então saí para enfrentar o mundo.

Fiz uma oração silenciosa prometendo que, se chegasse ao fim da corrida vivo, sacrificaria um touro em minha homenagem e possivelmente até construiria um novo templo para mim. Sou louco por touros e templos.

Apesar de tudo, Apolo tem carisma, é engraçado e logo te conquista nas primeiras páginas. Quando ele chega no Acampamento e começa a conviver com seus filhos e outros semideuses, ele percebe o quão egoísta é seu comportamento e o comportamento dos outros deuses para com seus filhos. Logo no primeiro livro, é bem perceptível o crescimento dele e a afinidade que ele cria com alguns semideuses, principalmente com Meg.

O que acho bem legal nos livros do Riordan é que ele aborda alguns assuntos ditos como tabus de uma forma bem natural. Como, por exemplo, homossexualidade, bissexualidade e pais de mesmo sexo. Durante a história, é narrado como muita naturalidade o fato de Apolo ser bissexual - ele vive se lembrando dos seus maiores amores, Dafne e Jacinto. Eu acho isso bem bacana porque, se formos ver a classificação, os livros do Riordan são para um público infantil/infanto-juvenil. Tio Riordan não merece somente palmas, mas o Tocantins inteiro por conta disso. Bem que alguns desperdícios de oxigênios poderiam ler esses livros e aprender uma ou duas coisas sobre tolerância.

Ah, Talvez alguns de vocês estejam se perguntando como me senti ao vê-lo com um namorado e não com uma namorada. Se for isso, façam-me o favor. Nós deuses não nos prendemos a essas coisas.

[...] Ela me lembrava muito seu pai, o treinador de arco e flecha canadense Darren Knowles.
Quer dizer, o outro pai. Sim, claro que é possível uma criança semideusa nascer de um relacionamento assim. Por que não seria? Zeus deu à luz Dioniso pela própria coxa. Uma das filhas de Atena se originou de um lenço. Por que se surpreender com esse tipo de coisa? Nós, deuses, somos capazes de infinitas maravilhas.

E imagina minha surpresa ao ver um semideus BR no Acampamento? Não só o semideus, mas o Rick faz várias menções ao Brasil. Não vou mentir que fiquei bem feliz ao ver que Rick reconhece o carinho dos leitores brasileiros. Valeu, tio Riordan! A gente também te ama, apesar de fazer a gente sofrer.

— Paulo compreende inglês bem, mas só fala português. Pelo menos, é o que alega. Nenhum de nós consegue entender uma palavra do que ele diz.
Eu também não entendia português. Havia anos que Atena insistia que o monte Olimpo podia migrar para o Brasil algum dia e que deveríamos estar preparados para essa possibilidade. Ela até comprou DVDs do Berlitz Idiomas para todos os deuses como presente de Saturnália, mas o que Atena sabe?

Sem ideias, tirei o lenço de Paulo do pescoço e balancei feito um louco, tentando canalizar meu brasileiro interior.
— PARA TRÁS, FORMIGAS DO MAL! — gritei. — BRASIL!

Algo que também curti foram os haikais que dão título a cada capítulo. Haikai é como um poema escrito em linguagem simples, sem rima, estruturado em três versos que somem dezessete sílabas poéticas; cinco sílabas no primeiro verso, sete no segundo e cinco no terceiro.

Eu era deusístico
Agora eu estou um lixo
Ih, haicai não rima

Nada de Uber
Algum táxi a caminho? Não.
Eu vou é com a Mama

Há quem possa achar mais do mesmo novamente de novo como sempre, mas eu achei bem bolado os “vilões” que já foram apresentados nessa saga. E sim, eles estão interligados com as outras sagas. Assim como temos aparições de nossos personagens favoritos e a volta de um bem querido dos leitores (não meu porque sempre achei um porre)

O Oráculo Oculto foi uma leitura leve e engraçada que veio no momento certo. Em sua terceira saga com o mesmo núcleo, vemos que o Riordan ainda tem muita história pra contar.

20 comentários:

  1. Amei sua resenha, não conhecia o livro e me interessei demais pela história! Ótima indicação.

    Um super beijo, Blog Minuto de Bobeira

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da capa do livro já rs, tenho uma tendência a amar aventuras fantásticas sem nem saber se presta ou não kkkk. Sua resenha deixou bem claro os pontos fracos e fortes e se é engraçado já está minha lista.
    Beijos,
    Juliana.
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lu.
    Eu não curto esse tipo de leitura, já até tentei, mas não consegui gostar.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  4. LUUUU! Que saudade dos seus minions por aqui! <3 As férias chegaram e finalmente consegui um tempinho para visitar você novamente. <3
    Tu acredita que tenho vários livros do Rick e ainda não consegui ler? Me aceita? hahaha Vejo sempre bons comentários, mas tenho tantos outros na frente! Socorro. hahaha

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu!
    Adorei a premissa,realmente me interessei bastante, é bem o meu tipo de leitura haha,obrigada pela dica.

    Abraços;**
    http://febredelivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto bastante desse tema, toda essa coisa de deuses e mitologia, é muito legal.
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  7. Oiii Lu

    Os livros do Rick são ótimos mesmo pra desconectar e entrar naquele universo mistico que ele sabe criar tao bem. Saudades do Percy, bons momentos lendo as histórias dele.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  8. OOOOOOOI LU

    eu não resisto ao Rick Riordan. Nunca tinha me interessado por mitologia até esse lindo entrar na minha vida <3 <3 <3 <3
    ainda não li esse e tô vacilando, né non? Pelo que me lembro do Apolo, ele é mesmo um saco, porém com uma personalidade tão egocentrica que chega a ser engraçada HAHAH. Creio que o livro tenha muito disso

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu, tudo bem?
    Eu acho muito legal ver todo o seu entusiasmo pela série e principalmente pelo autor. Não é muito o estilo que curto ler, mas as histórias parecem bem interessantes.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá, Luiza.
    Eu tenho esse livro aqui desde maio mas ainda não li ele hehe. Não lembro muito coisa desse deus não, mas espero gostar dele. E que legal que tem brasileiro na área hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Quaaaanto tempo sem ler Rick Riordan... desde O Ladrão de Raios, nunca mais li nada dele deste então...

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oii Lu,
    Estou doida para ler essa série, mas preciso pegar uns livros antes.
    Fico feliz que tenha gostado.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  13. Oi Lu!

    Faz tempo que não leio nada do titio Riordan, bateu até saudades. Apolo deve ser mesmo engraçado e poxa o autor lembrou de nós!! Muito lindo!! Quero ler esse em breve!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  14. Oi, Lu!
    Leio mil resenhas lindas sobre os livros do tio Rick, mas acho que eu sou de outro planeta e tal... porque nem com as resenhas mais bem escritas (como a sua) me desperta vontade de ler.
    Acontece né?

    Bjux.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Gostei bastante da sua resenha, esse livro parece ser maravilhoso, até por falar de assuntos polêmicos de uma forma tão natural! <3

    ✯ Instagram ✯✯ Blog Diamante Turquesa ✯✯ Fan Page ✯

    ResponderExcluir
  16. Oi
    eu estou louca querendo lesse livro, espero conseguir comprar esse mês, o Rick realmente trás personagens bem diferentes e isso acho bem legal, apesar de ser mais do mesmo eu adoro esse universo.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Vou te contar Lu, o Rick é tão bom aos meus olhos que se ele escrever mais do mesmo ta de boas... Eu leio do mesmo jeito! hahahaha Adorei "O Oráculo Oculto" li um pouco depois de você me mergulhar em nostalgia com seus posts sobre o Percy e amei e já estou ansiosa pela continuação. Agora que saiu o Magnus Chase vol. 2 espero começar a ler ele também, quando terminar é tempo de sair o próximo das Provações de Apolo... e fica tudo lindo \o/

    ResponderExcluir
  18. Oi Lu, sua linda, tudo bem?
    Acabei-me de rir com sua resenha. Não aguentei quando descreveu o menino. Suas resenhas são muito divertidas. E pode continuar trazendo muito Rick Riordan, que eu gosto. Esse livro chamou mais atenção pelo lado cômico, às vezes tudo o que quero é uma história assim. Que bom que você ainda continua gostando das séries dele. Estou louca para ler também. Adorei sua resenha!!!!!
    Beijinhos.
    Cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Eu sou completamente fã do Rick, a série Percy jackson & os olimpianos foi uma das primeiras que me comprometi a ler e quando vi já estava apaixonada. Comecei a ler este, mas acabei parando. Estava lendo online e acabo sempre me perdendo... Mas, confesso que até onde li, como cria de Apolo, amei! O que mais adorei foi a forma como o Apolo fala sobre a sexualidade do filho, o romance do Will e do Nico, o fato de como um deus não ligar, acaba trazendo essa mesma mensagem a quem esta sendo, de não ter ódio, não ter preconceito... Amei demais!

    https://amebatom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi Lu, tudo bem? Eu adoro os livros do tio Rick, agora na Black Friday vou comprar esse e O Martelo de Thor. Tenho paixão pela escrita dele!

    Beijooo

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.