17 junho 2016

Resenha #65: Sedutor - Christina Lauren (Universo dos Livros)

Título: Sedutor
Título Original: Sweet Filthy Boy
Autor: Christina Lauren
Série: Wild Seasons #1
Páginas: 379
Ano: 2014
Editora: Universo dos Livros
Sinopse: Christina Hobbs e Lauren Billings, conhecidas pelo pseudônimo Christina Lauren, causaram grande impacto com seu Cretino Irresistível. A série entrou nas listas de mais vendidos no Brasil e é best-seller do USA Today e do The New York Times. Agora, elas estão de volta com Sedutor, primeiro volume de uma série que não promete menos: Selvagem Irresistível.
Mia Holland, depois de comemorar sua formatura em um louco final de semana em Las Vegas, fica aterrorizada com as escolhas que terá de fazer nessa nova etapa da vida. Ela toma, então, uma decisão selvagem: partir para a França seguindo os passos de Ansel Guillaume, um homem envolvente e extremamente sedutor. Por trás de todas as brincadeiras sensuais de Mia e Ansel, sentimentos começam a surgir. Nesse momento, ela precisa decidir se retorna para a vida que deixou ou se entra de cabeça nessa aventura ardente e arrebatadora que acabou de descobrir...


Leitura recomendada para maiores de 18 anos

Já não basta escreverem a série Cretino Irresistível, Christina e Lauren também tem outra série sendo lançada chamada Selvagem Irresistível. Essa série já tem quatro livros lançados e um áudio book. Hoje, lhes trago a resenha do primeiro livro, Sedutor.

Presentinho da Almi, do Primeiras Impressões. Valeu, Almi *-*
Em Sedutor, conhecemos Mia Holland, Harlow Vega e Lola Castle, três amigas que se conhecem desde sempre. Para comemorar a formatura de Mia, as três passar o final de semana em Las Vegas. Entre olhadas, bagunças e muita bebida, as três acabam conhecendo Ansel Guillaume (francês), Finn Roberts (canadense) e Oliver Lore (australiano). Depois de muuuuuita bebida mesmo, Mia casa com Ansel, Harlow com Finn e Lola com Oliver.

VEGAS, BABY!
Os outros dois casais logo anulam o casamento menos Mia e Ansel. Depois de muito pensar, Mia aceita o convite de Ansel para passar o resto das suas férias em Paris, para tentar dar uma chance a esse sentimento que nasceu num final de semana.

Mia é uma pessoa oprimida pelos pais e que nunca fala o que está pensando. Com sequelas de um acidente que teve na adolescência, ela vê em Ansel uma válvula de escape desse seu mundo normal.

Ansel é totalmente contrário de Mia. Impulsivo, vívido e observador, logo ele percebe que há muito mais em Mia do que ela mostra para as pessoas. Por isso, ele insiste para que ela volte com ele para Paris.

Apesar de estarem em Paris, nem tudo é romântico. Ansel trabalha demais e Mia passa o dia todo praticamente sozinha. Fora que ela sabe quase nada de francês. Gente, acreditem, é horrível se ver sozinha num país que você não sabe a língua. Experiência própria. Logo Mia tem uma ideia de como reacender o que ela e Ansel sentiram em Vegas e realmente dar uma chance a esse relacionamento que tem tudo para dar errado.

Diferente de todos os outros livros, nesse aqui só temos o ponto de vista de Mia. Não que seja ruim, mas preferia que tivesse o Ansel por motivos de porque sim. É através dos olhos de Mia que conhecemos melhor Paris e seu marido.

O que falar de Paris que não conheço, mas considero pacas? Mia passeando por Paris era como se eu estivesse por lá. Os detalhes dos cenários são os mais precisos possíveis que, se você fechar os olhos, se sente por lá.

Outro ponto diferente dessa história é o casal: um é a válvula de escape do outro. Durante seu tempo em Paris, Mia foi crescendo como pessoa e isso é perceptível nas páginas. Pelos olhos de Mia, também podemos ver que Ansel muda também. Por isso eu queria narração do Ansel #euchoro

Não posso dizer que foi o melhor livro que li das autoras, mas também não é ruim. Senti falta daquela dinâmica engraçada entre os casais. Me conformei que não era pra ser assim aqui.

Irei guardar minhas ressalvas sobre os títulos desses livros para o post do Tecla SAP porque esses sim são difíceis de engolir. Eu só queria entender a obsessão com o adjetivo Irresistível que a Universo dos Livros tem. Porque, além das duas séries de Christina Lauren que eles publicam, eu já vi mais alguns livros com esse adjetivo no título. Só posso dizer que nessa série aqui, poderiam ter utilizado outro nome ou a tradução literal do inglês: Temporadas Selvagens.

Já foram lançados dessa série Indecente e Misterioso. O quarto e (até agora) último livro se chama Mentiroso e está com previsão de lançamento para esse mês.

18 comentários:

  1. Esse livro me lembrou o filme Jogo de amor em Las Vegas kkkkkkk. Nçao sei se eu iria gostar. Livro mais quentes não são muito minha praia. Mas penso em ler um dia.

    www.primeiras-impressoes.com

    ResponderExcluir
  2. Oie Luiza =)

    Faz bastante tempo que não leio nada do gênero. É que fiquei com aquela sensação que depois que li um, li todos sabe? Tenho que terminar a série da Bella Andre ainda XDD. Mas estou esperando entrar em uma ressaca literária brava para pegar o sétimo livro. Até por que acho esse tipo de leitura perfeita para curar ressaca.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  3. Oii, gostei da sua resenham, bem elaborada. Não leria o livro porque ele não me chamou atenção e também gostaria de entender porque todos os livros hots tem o mesmo padrão de nome. Acho que esse seria um bom tópico pro seu Tecla SAP.

    Beijos,
    Natália.

    www.doprefacioaoepilogo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi
    Adoro resenhas de livros. Confesso que não é mesmo o tipo de leitura que eu goste mas gostei da forma como expôs. É minha primeira visita aqui, e gostei bastante.
    Beijo

    Minha Vida Por Acaso
    @paullamarcondes

    ResponderExcluir
  5. Olá!!
    Então, eu tentei ler esse livro duas vezes, mas não consegui terminar. Achei que a leitura não fluía, senti falta também das cenas divertidas, mas como você disse: talvez essa tenha sido a intenção delas.
    Estou até pensando em pular esse livro e ir para o próximo casal, hahah.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem? Adorei a resenha, apesar de não ter ficado com vontade de ler o livro, pois como você disse, é recomendado para maiores de dezoito anos, hahaha. Parabéns pela resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  7. Adorei a resenha, deve ser muito interessante, mas acho que pelo que entendi deveria ser um pouco mais divertido apesar de não ser a proposta :(
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  8. Otima resenha!! já li um parecido com esse! otima a dica!! <3

    Versos em Batom

    FanPage do Blog

    beijos :*

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro. Acho que também iria sentir falta dessa dinâmica engraçada entre o casal. É tão bom casal assim. Estou louca para ler algo dessa autora.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  10. Olá!!
    Realmente, é sempre esse mesmo adjetivo kkkkk não sei pq.
    Fiquei curiosa pra ler o livro, mas sou suspeita pra falar pq adoro esse gênero.
    Beijos,
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu sempre quis ler esse livro e por incrível que pareça nunca consegui :/ já vi resenhas várias vezes não só desse, como do resto da coleção também. Prometo que ainda vou conseguir rsr!

    Beijinho <3

    www.leitorasvorazes.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi Luiza,
    Eu gosto muito de romances e sua resenha me ajudou muito, afinal, eu via essa capa pelos sites e nunca tinha lido nenhuma resenha sobre, então ficava com o pé atrás para comprar, sabe?
    Talvez algumas coisas me incomodem, mas se tiver barato, dá para ler, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Estes selvagens/cretinos me confundem muito, além das capas e conteúdos serem semelhantes. Mas ao menos este é o primeiro de uma série, já que não conheço a escrita da autora ainda, posso começar com este.

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Lu!!!

    Eu pensei que fosse tudo da mesma série, essa obsessão pelo adjetivo irresistível está me confundindo! rsrsrs Quando eu terminar a série do Cretino começo essa! Vou me lembrar de que não é tão engraçado rsrsrs

    Bjs, Mi


    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  15. NÃO POSSO LER ISSO ASHUASHUA SOU MAIS DOS ROMANCES BESTA DE JOHN GRREN \O/

    http://www.16primaverasblog.com/

    ResponderExcluir
  16. Olá, Lu!
    Que pena que não teve a visão do Ansel, acho legal livros que mostram "os dois lados". mas não sei, não faz muito meu estilo essa leitura.
    "Irresistível", realmente, muitos livros têm esse adjetivo!

    · ENTRETANTO ·

    ResponderExcluir
  17. Oi, Lu

    Pera, tô confusa, esse livro não é daquela coleção dos cretinos, né? Entendi ali o lance com o adjetivo irresistível, mas então pq essa capa quase igual também? Eu hein...
    Sobre o enredo, parece divertido, mas acho que não leria. Sei lá, essa pegada não chama minha atenção.
    Sobre Paris, tentei ir com meu namorado quando eu estava na Alemanha, mas ele odeia Paris! Falou que é feio, sujo e fedorento! Que só perto dos pontos turísticos que vale a pena... ele não entendeu que eu SERIA TURISTA! Logo, era pra ficar perto dos pontos turísticos mesmo! Hahahaha

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  18. Oi
    gostei do enredo do livro, parece ser uma boa leitura apesar de ter o ponto de vista só de um, acho que leria e algum dia irei ler livros dessa autoras que você fala super bem.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.