24 janeiro 2016

Depois desse livro... #5: Cidades de Papel - John Green

Um livro, uma música, vários sentimentos
Hello, people! Mais uma vez The Civil Wars aparecendo nessa coluna. Eu juro que vou fazer um post só sobre eles. Ainda não superei a separação #todoschora. Recentemente, ouvi uma música deles e, na hora, me lembrei da história de Cidades de Papel.

Cidades de Papel conta a história de Quentin Jacobsen, que está seguindo as pistas deixadas por sua crush Margo Roth Spielgeman, quanto esta desapareceu. A música do The Civil Wars que me fez lembrar desse livro se chama Goodbye Girl.

Aviso logo que pode conter spoilers do livro/filme nesse post, então continue lendo por sua conta e risco. Se não quiser saber do que acontece, pule para o vídeo.

Quem leu e/ou assistiu o filme, sabe que, na verdade, Margo deixou umas pistas para Quentin descobrir seu lugar preferido, onde ela ia pra ficar na bad, pensar e tals, mas não para encontra-la onde ela havia desaparecido.

Goodbye Girl me lembrou Cidades de Papel por dois motivos. O primeiro, a música me lembrou o final do livro - que é um cadinho diferente do filme. Lembrei quando Quentin e Margo estão se despedindo, com a promessa de manterem em contato, mas sabem que isso não vai acontecer.

Mas não consigo continuar, porque ela me beija de novo, e quando ela me beija sei, sem sombra de dúvida, que estamos seguindo em direções opostas. [...] Fico de pé no estacionamento, me dando conta de que nunca estive tão longe de casa, e aqui está a menina que amo, mas que não posso seguir. Espero que seja esta a provação do herói, porque não ir atrás dela é a coisa mais difícil que já tive que fazer.

O outro motivo é o que Margo representa para Quentin. Quentin sempre acreditou que na vida todo mundo recebe uma dádiva. E a dele foi Margo ser sua vizinha. Ele não diz explicitamente o porquê, mas creio que, em sua busca por Margo, ele acabou se descobrindo também.

Na minha opinião, todo mundo recebe uma dádiva. [...] Poderia ter me casado com a rainha da Inglaterra ou sobrevivido meses à deriva no mar. Mas minha dádiva foi diferente. Minha dádiva foi a seguinte: de todas as casas em todos os condados em toda a Flórida, eu era vizinho de Margo Roth Spiegelman.

Essa dupla dispensa apresentações porque já é a terceira vez que eles aparecem por aqui.

I remember that look
(Me lembro daquele olhar)
The last one you gave me
(O último que você me deu)
A kiss on my cheek
(Um beijo na minha bochecha)
As you were leaving
(Enquanto você partia)
The last thing you said
(A última coisa que você disse)
Was “I’ll see you again”
(Foi "Irei te ver novamente")
But we both know we won’t
(Mas nós dois sabemos que não vamos)
That’s that
(E é isso então) 
Say goodbye and don’t look back
(Diga adeus e não olhe para trás)
So long to happy every after
(Até o felizes para sempre)
You are my goodbye
(Você é o meu adeus)
Goodbye girl
(Adeus, garota) 
Never mind how long it lasted
(Não importa o quanto durou)
You’re still the best thing
(Você ainda é a melhor coisa)
That ever happened
(Que já me aconteceu)
You are my goodbye
(Você é o meu adeus)
Goodbye girl
(Adeus, garota)

31 comentários:

  1. Oi Luiza!
    Eu ainda não li o livro nem vi o filme, mas gostei da música!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Ei, Luiza!
    Que post criativo! Gostei bastante!
    Cidades de Papel é o meu livro preferido do Green e a música combinou bem.

    Até mais,
    http://entreserieselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. já viiiiiiiiiii <3 amei o post, muito bom

    http://thesweetmomentts.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. OI Lu! Li apenas o livro e preciso conferir o filme. Eu gosto da história e adorei imaginá-la com esta trilha sonora.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  5. Hii Lu. Eu simplesmente não gostei do livro. O começo tava ótimo, mais depois que MARGO desaparece, o livro começa a ficar chsto. Heey, te indiquei uma tag lá no blog.

    garotoliterariio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Lu! Tudo bem?
    Eu já li "Cidades de Papel" e ele é bem o estilo do John Green. Foi até o meu preferido dele...
    Gostei bastante desse post, ainda mais que tem músicas que se parecem bastante mesmo com os livros.
    Beijão,

    Vinicius
    omeninoeolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá, Luiza.
    A musica é bem agradável, adorei o dueto, mas o livro eu não tenho vontade de ler. Eu já tentei ler John Green três vezes e não consegui gostar de nada dele até agora.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  8. Luiza essa musica é linda né? haaha
    beiju
    daniellaalessandra.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Luiza!
    Que coluna bacana, super criativa. :)
    Só conheço Safe and Sound, da Taylor Swift com The Civil Wars, que foi trilha de Jogos Vorazes.
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas | Participe do sorteio de 2 anos do blog!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Luiza.

    Li o livro e não vi o filme. #Shame
    Mas eu amo Civil Wars e adorei ler seu post a respeito do livro e da banda. Amor demais.
    Adorei a ideia do post, realmente as vezes escutamos algumas músicas que combina direitinho com personagens queridos.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books

    ResponderExcluir
  11. AMO relacionar músicas com livros, parece que me encanto ainda mais pela música RSrs
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, Lu.
    Eu tenho "Cidades de Papel" aqui em casa, mas ainda não bateu aquela vontade de ler esse livro. Desde que li "A culpa é das estrelas", não tenho muito interesse nos livros do autor, mas um dia lerei este livro. Um dia rsrsrs

    Abraço!
    http://tudoonlinevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Lu!
    Até hoje não li nenhum livro do autor, e ainda não sei se gostaria de ler este. Parece ser bom, mas por ser tão famoso pego tantos spoilers que acabo sabendo de tudo HAHA Adoro esse estilo de post que você faz, é muito bom relacionar uma música ou momento a um livro. Não conhecia esta e curti muito, e a letra é muito intensa. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Eu quero ler "Cidades de Papel" então parei quando você disse "é por sua conta e risco" hahahah

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  15. Quero ler/ver "Cidades de papel", então admito que não li todo o post. Fui direto pra letra da música e abri o vídeo no YouTube.
    Que doçura de música! Adorei!
    Adoro músicas nas quais a voz e o violão se sobressaem aos outros instrumentos. Acho que é por isso que adoro versões acústicas.

    Beijo!

    Blog || Fan Page

    ResponderExcluir
  16. Eu até comecei a ver o filme mas desistir.
    Li a culpa é das estrelas, foi bom mas não tenho curiosidade em mais nenhum livro do autor.
    Gostei da música.
    http://letrasfloresecores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi. Não li o livro nem vi o filme, então mesmo lendo o post fiquei meio perdida sem saber se devo ou não concordar com seu ponto de vista.
    Beijos
    SIL ~ Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  18. Oi Luiza, sua linda, tudo bem
    Você não vai acreditar, mas eu conheci essa dupla recentemente por um acaso, estava procurando músicas novas no youtube e não sei como eles foram parar lá, risos... Essa música que escolheu, tem uma letra linda e fui ouvir a melodia e amei!!! Já está na minha playlist. Não sabia desse final do filme/livro, apesar de triste, eu entendo.
    adorei sua coluna.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Luiza!
    Esse livro e filme, não me agradaram tanto.
    Mas a música é linda!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Estou doidinha para ler Cidades De Papel!

    http://literariooutono.blogspot.com.br/

    :)
    Um beijo, já estou te seguindo!

    ResponderExcluir
  21. Oi, Luiza! Tudo bem? Arrasou na escolha! A música tem realmente tudo a ver com o livro "Cidades de Papel"! Adorei! <3

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. oi, oi.

    eu já li o livro, então, compartilho do mesmo sentimento que o seu. infelizmente ainda não vi o filme... to esperando um tempinho aparecer pra ver e rever, pq sou desses q gosta de ver duas vezes o que é bom (e dizem que o filme é lindo, tanto quanto foi o livro!).

    eu tenho tbm uma paixão muito grande por the civil wars, mas a minha música preferida sempre será "poison & wine". <3

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
  23. Oii! Também acho que a música tem tudo a ver com o livro. Já li Cidades de Papel e gosto bastante da história. Me envolvi na investigação das pistas e a viajem deles me rendeu várias risadas mas achei decepcionante o menino todo apaixonado e determinado levar um belo fora de Margot no final. Até eu me senti traída, pois realmente achei que ela queria ser encontrada (a iludida).
    Bjs,
    Bipolaridades

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Não recuso indicações musicais, então já dei o play antes mesmo de ler o livro. Confesso que as histórias do John não me agradam muito, sabe? Mas a música é bacana, gostei do ritmo e da calmaria que ela transmite. Bem diferente, do jeito que gosto.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Aaah, amei essa coluna aqui! Quando li O lado feio do amor da Colleen eu tava numa epoca viciada em Sorry do Justin Bieber, e uma hora comecei a ligar a música ao livro, e combinou direitinho! É tão legal quando isso acontece né, parece que fizeram a letra pra história sem nem mesmo saber hahaha

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "Invisível", vem conferir!

    ResponderExcluir
  26. Não li ainda esse livro, mas a história parece ser muito emocionante, cheio de sentimentos <3

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  27. Acredita que nunca li esse livro? :'(
    Seu post me deixou muitooo animada, só me falta o dindin, hahah <3

    beijos
    http://garota-interior.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Que música maravilhosa. Ainda não vi o filme e nem li o livro, mas quero muito. Adorei a sua postagem...Amo música!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  29. Ainda não li o livro e nem vi o filme, então segui o recomendado e pulei para o fim do post, mas preciso dizer que adorei a música!

    www.nemteconto.org

    ResponderExcluir
  30. Oi Lu!
    Cidades de Papel não é meu romance favorito do João Verde devido ao rumo que a história tomou. Achei digna o começo, mas confesso que o encaro de forma que o autor se perdeu na metade. Embora, claro, como os livros do Green, esteja recheada de citações marcantes, então, ainda tenho um carinho especial.
    Não conhecia a música, mas de fato, combinou perfeitamente com ritmo da história.

    Abraços
    David
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  31. Oi Luiza.
    Eu só assisti ao filme e na ou li o livro ainda.
    Achei a Margo um pouco do mal e o Quentin fez vários papei de trouxa, rsrs porque para fazer tudo que ele fez por essa menina, rs
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)

Tecnologia do Blogger.